Pesquisar este blog

- Rancho D'Ajuda - Como plantar alho Poró - Que Delícia de Roça! Como fazer doce de figo cristalizado - Gir leiteiro como o próprio nome diz - Como plantar Kiuí - Como plantar pimentão - 3 dicas para quem quer plantar tomate - momento de plantar - Que Delícia de Roça! Broa de fubá - Maracujá roxo é nova opção para agricultores - Que Delícia de Roça! Como fazer galinhada Rancho D'Ajuda

quarta-feira, 5 de outubro de 2016

Ervilha Torta – vagem rica em vitaminas e de fácil cultivo


Resultado de imagem para Ervilha Torta colheita


A Ervilha Torta é uma variedade de ervilha de vagem, com um grande valor nutritivo, sendo fonte de fibras, vitaminas A, B e C, e minerais, como o Ferro, o Potássio e o Enxofre.

A Ervilha Torta é uma variedade de ervilha de vagem, com nome científico Pisum sativum. É um legume com um grande valor nutritivo, sendo fonte de fibras, vitaminas A, B e C, e minerais, como o  Ferro, o Potássio e o Enxofre. Funciona como tônico para o pâncreas, estimula o apetite e age como excelente cicatrizante.
É uma vagem originária do Oriente Médio e suas variedades se disseminaram pelo mundo passando a ser conhecida também como Ervilha de Cavaca, Ervilha Tsuruga ou Ervilha Torta de Flor Roxa.
 Deve-se proceder ao plantio depositando de 3 a 4 sementes em cada cova, com um espaçamento de aproximadamente 1 m entre as fileiras por 50 cm entre uma cova e outra. Após 5 ou 8 dias, procede-se ao desbaste, depois desse procedimento, permanecerão 2 plantas por cova. Antes do plantio, aduba-se o solo com Sulfato de Amônio, Superfosfato Simples e Cloreto de Potássio. A dosagem deve ser receitada por um engenheiro agrônomo de confiança.
É imprescindível que a Ervilha Torta esteja isenta de plantas daninhas ou quaisquer outras sujidades. Daí a necessidade de se proceder à inúmeras capinas para que os pés de ervilha permaneçam no limpo e , com isso, alcancem o seu pleno desenvolvimento. Como essa variedade pertence à família das trepadeiras, deve-se proceder ao seu estaqueamento. Dessa forma, a planta alcançará a altura desejada, sem que haja o seu tombamento ou quebra de seu caule.
Quanto à irrigação, esta deve ser feita com bastante cautela e sem excesso. Caso contrário, seu encharcamento causará o mau desenvolvimento da planta ou até a sua morte. Até o germinar, a irrigação deve ser feita de 3 em 3 dias, passando depois a cada 7 dias. Quando surgirem os primeiros grãos, deve-se irrigar o pé de ervilha de 5 a 5 dias e depois a cada 7 dias. Assim que estiver pronta para a colheita, a irrigação da Ervilha Torta deve ser suspensa.
A Ervilha Torta produz vagens com coloração verde clara, achatadas e largas. Seu comprimento pode variar dos 13 aos 15 cm e 2,5 a 3,5 de diâmetro. Quando alcançarem esse tamanho as ervilhas já estão prontas para a colheita. Um outro sinal indicativo de colheita é quando os grãos estiverem mais salientes dentro da vagem. Isso ocorre em torno de 70 dias após o plantio.
Particularidades da planta:
Nome científico: Pisum sativum;
Nomes populares: Ervilha Torta, Cavaca, Tsuruga ou Flor Roxa;
Principais produtores brasileiros: Centro-Sul;
Principais produtores mundiais: Índia, China e Estados Unidos;
Clima propício: Subtropical e Tropical;
Temperatura: entre 4 e 24ºC;
Luminosidade; do pleno sol à meia sombra;
Solo: profundo e leve, rico em matéria orgânica;
pH: entre 5,5 e 6,8;
Irrigação: regular, sem encharcamento nem escassez de água;
Tamanho da planta: de 1,2 a 1,8 m;
Coloração da vagem: verde clara;
Coloração das flores: roxa;
Cultivo: anual;
Crescimento: trepadeira, necessita de estaqueamento;
Plantio: de abril a julho;
Germinação: entre 5 e 8 dias do plantio;
Floração: o Verão e a Primavera;
Colheita: 70 dias após o plantio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

TOP 10: Mais Acessadas

Arquivo do blog